Treeing Walker Coonhound

Cachorro Treeing Walker Coonhound

Origem e história

O Treeing Walker Coonhound foi criado a partir de algumas raças já existentes e consolidadas de English Walker Foxhounds. O surgimento desta raça aconteceu graças a George Washington, que futuramente seria o primeiro presidente dos Estados Unidos (governou o país entre 1789 e 1797), e John W. Walker, ambos de Kentucky, nos Estados Unidos.

Mas tudo começou com Thomas Walker, de Albermarle County, situado na Virgínia, que em 1742 importou alguns animais de caça da Inglaterra. George Washington, um grande adepto da caça como esporte, em especial as raposas, também importou da Inglaterra vários cães Hounds por volta de 1770.

Treeing Walker Coonhound 3

Houve ainda importações dos melhores Hounds Ingleses pelo Gloucester Foxhunting Club e pelo Baltimore Hunting Club. E as importações não vieram apenas da Inglaterra, mas também exemplares franceses e irlandeses. Esses animais se tornaram a formação seminal do que viriam a ser os cães da raça Walker nos anos vindouros.

Cruzamento com cão perdido definiu a raça

Um estranho cruzamento ocorrido no século XIX influenciou para todo o sempre essa raça. Estranho, pois foi feito com um cachorro perdido do Tennessee e de origem desconhecida. A Lead Tennessee não se parecia com nenhum dos animais da raça Virgínia Foxhound Ingleses que estavam sendo forjados naquelas paragens.

Porém, como possuía um ótimo faro, muita energia, velocidade e um senso se caçador muito apurado, o Lead Tennessee acabou sendo incluído no círculo e serviu para cruzar com fêmeas inglesas, o que acabou criando o Walker Hound, outra raça famosa do Hound Americano.

A raça Treeing Walker Coonhound demorou para ser reconhecida. Primeiro, o animal foi registrado no United Kennel Club como parte da raça English Coonhound. Mas com um pedido dos criadores de Walker, em 1945, a entidade aceitou reconhecer os animais, primeiro como Walker (Treeing) e somente depois como Treeing Walker Coonhound. Curiosamente, o American Kennel Club o aceitou oficialmente apenas em 2012.

O cão da raça Treeing Walker Coonhound manteve muito das características do seu antepassado, o Foxhound Inglês. Com um ótimo instinto de caça, aliado à sua velocidade e virilidade, é um cachorro incansável. Costuma caçar gambás, esquilos e guaxinins, obrigando-os a subir em uma árvore para fugir e, em alguns casos, até consegue escalar a árvore atrás de sua presa. Tem altura variando entre 51 cm e 69 cm e peso entre 23 kg e 32 kg.

Temperamento

O Treeing Walker Coonhound possui um ótimo temperamento e é um grande cão de companhia, pois adora a interação com as pessoas. Bastante amoroso e enérgico, adora o conforto de casa (é normal que ele suba no sofá e seja companheiro até na sua cama), ao mesmo tempo em que ama correr livremente em áreas abertas.

Treeing Walker Coonhound

Tranquilo e dócil, este cachorro convive muito bem com crianças e pode ser uma companhia perfeita, já que adora brincadeiras, possui muita energia para gastar e muito dificilmente se irrita. Até mesmo com outros cães a convivência pode ser tranquila, desde que seja introduzido jovem na família. Inclusive com um gato que já exista na família ele pode viver normalmente, embora sua característica caçadora possa aflorar em algum momento.

Dentro das características do animal e até pelo seu instinto caçador, o mais indicado é que seus proprietários morem em uma casa com um quintal espaçoso, aonde ele possa brincar e se exercitar. Além disso, é importante dedicar alguns períodos para passear com ele, pois isso ajudará a manter um bom humor e um cão saudável.

Outra característica marcante da personalidade do Treeing Walker Coonhound é sua inteligência. Isso pode ajudar e muito durante o treinamento, já que ele aprende muito fácil os comandos. No entanto, pode ser um problema caso o adestramento não seja coerente, pois ele consegue encontrar brechas para tirar proveito. Muito observadores, eles percebem nosso comportamento e respondem a gestos sutis e a um bom número de palavras.

Cuidados

O Treeing Walker Coonhound precisa de espaço e de atenção para brincadeiras, logo, um apartamento não é lá muito indicado para este bichinho. Ele precisa de atividades que o deixem feliz e isso pode até mesmo ser um longo e cansativo dia de caça, que para ele é pura diversão.

Ele gosta de brinquedos próprios, embora não seja muito adepto daqueles que servem apenas para mastigar. Ele prefere brinquedos mais complexos, que possam ser desmontados ou que emitam sons, por exemplo. É uma boa maneira de mantê-lo entretido por um bom tempo.

Treeing Walker Coonhound 2

É indicado que o filhote de Treeing Walker Coonhound receba treinamento desde cedo para entender quem manda dentro de casa e possa atender aos comandos, já que ele é muito inteligente e pode tornar a relação um tanto quanto complicada em algum momento.

É possível que ele, por ser um animal de caça, queira pegar algum alimento que esteja com alguma pessoa, especialmente carne crua, ou queira rosnar para defender sua comida. Porém, são fatos raros de ocorrer. E não adianta puni-lo com violência, pois ele ficará tímido, recluso e poderão desenvolver outros problemas de comportamento. Como são muito inteligentes, devem ser convencidos do que é certo ou errado e devem ter limites.

O importante de realizar um treinamento adequado é que, como o Treeing Walker Coonhound gosta de interagir com o ser humano, ao aprender os comandos e gestos para ser obediente ao seu dono, ele ficará animado e engajado na relação familiar, muito distante de um possível estado tedioso, que poderia gerar um comportamento ruim.

Saúde

O cachorro Treeing Walker Coonhound costuma ser um cão bastante saudável, com expectativa de vida entre 12 e 13 anos. Apesar disso, é bom ter cuidado com a pele do animal, pois é possível apresentar alguns problemas de alergia. Em alguns casos o cão pode desenvolver a polineurite, uma paralisia devido à inflamação dos nervos.

É possível também apresentar algum problema ocular, especialmente na velhice, além da displasia coxofemoral, quando uma má formação da articulação do quadril impede que o bichinho se movimente e caminhe normalmente. Ela pode ser tratada com medicamento que minimize as dores e o permita a melhorar seu andar e, em outros casos, a cirurgia é requerida para corrigir o problema de uma vez por todas.

Para evitar qualquer transtorno com o seu animal de estimação, o recomendável é que os criadores tenham todos os exames e certificados que provem que os cachorros são saudáveis e estão geneticamente em perfeitas condições. Além disso, é importante levar seu cachorrinho no veterinário, que poderá fazer um acompanhamento de perto e analisará como anda o desenvolvimento do Treeing Walker Coonhound.

Como cuidar

O Treeing Walker Coonhound filhote não precisa de muitos cuidados. Uma socialização precoce com crianças, outros cães e demais animais de estimação já será suficiente para que o bichinho adentre ao convívio familiar e proporcione apenas momentos de alegria na sua casa.

Essa raça é muito tranquila no cuidado com relação à pelagem. Basta escovar regularmente os pelos de seu animal que ele permanecerá sempre bonito. Os banhos devem ser dados somente quando necessário. Uma dica é verificar frequentemente as suas orelhas, para evitar infecção.

Alimentação

A alimentação do cão Treeing Walker Coonhound vai depender do tipo de atividade que ele costuma praticar durante o dia. Se ele é um cão bastante ativo ou se você o utiliza para caçar em campo aberto, ele deverá consumir mais proteína e gordura.

Porém, se o Treeing Walker Coonhound for um cachorro apenas de estimação, para ficar em casa e não tem muita atividade para ele fora dos passeios normais e das brincadeiras familiares, consequentemente a quantidade de proteína e de gordura vão ser menores. Uma dica é olhar nos pacotes de ração o quanto cada animal pode comer diariamente de acordo com seu tamanho e peso.

O criador também poderá prestar boas informações, já que ele é dono dos pais do seu exemplar e dirá quanto eles comiam quando pequenos e quanto passaram a comer quando se tornaram adultos. Além disso, consulte um veterinário, que poderá dizer o quanto seu bichinho de estimação poderá consumir, também levando em conta o nível de atividade, altura, idade e peso.

Preço

É muito difícil encontrar um Treeing Walker Coonhound à venda no Brasil, já que a raça é bastante encontrada apenas fora do país. No entanto, você poderá entrar em contato com criadores brasileiros na esperança de que alguém tenha objetivo de reproduzir o Treeing Walker Coonhound em algum canil nacional.

Para se ter uma ideia de valores caso você deseje ter esse animalzinho dentro de sua casa, o Treeing Walker Coonhound tem o preço um pouco salgado no exterior. Os filhotes desta raça custam em média 500 dólares, o que dá mais ou menos pouco mais de 1500 reais. Há também espécime de mais tempo, que vão custar um pouco mais caro, algo como 3500 reais.

Caso você opte por importá-lo, leve em conta os custos e taxas a serem pagas aos governos do Brasil e também do local de origem do cachorro, o que provavelmente vai encarecer o valor final. Mas se você quer contar com esse fofinho em sua casa, o esforço vale a pena!

A raça Treeing Walker Coonhound está na categoria Cachorros Grandes