Broholmer

Cachorro Broholmer

Origem e história

O Broholmer é um animal originário da Dinamarca muito pouco conhecido além de seu gelado território. O Broholmer esteve prestes a ser extinto no século passado mas, graças a um grupo de admiradores da raça, foi possível recuperá-la e fazer com que a voltasse a ser procurada, ainda que não fosse a mais popular na época naquele país.

Diversos documentos apontam que o Broholmer é de tempos muito antigos, remontando à Idade Média. Porém, a grande expansão do Broholmer se deu a partir do século XVIII, quando o Conde de Broholm desenvolveu mais fortemente esta raça de cão – daí que vem o nome da raça, inclusive. No início, o Broholmer era especialista em caçar cervos e javalis nas florestas para alimentar os homens. Mas, no decorrer dos anos, o animal passou a ser um ótimo guardião de casas e fazendas, espantando toda e qualquer ameaça contra a propriedade, além de conduzir e guardar rebanhos.

cachorro Broholmer

Um cachorro da raça Broholmer chegou a ter ares importantes dentro do Reino da Dinamarca. Isso porque o então rei Frederik VII elegeu o Broholmer como o seu cão favorito. Um dos seus Broholmers, cujo nome era “Tyrk”, foi tão importante para ele e para a corte dinamarquesa que, após a sua morte, ele foi embalsamado e pode ser visto até hoje no Museu Zoológico de Copenhague, capital daquele país.

Por conta de vários problemas, entre eles a Segunda Guerra Mundial, a raça acabou ficando praticamente extinta no século XX. Porém, por volta da década de 1970, um homem denominado Jette Weiss localizou um autêntico Broholmer de 11 anos e alguns outros exemplares da mesma raça. E com grande empenho dele e de outros fãs da raça, teve início uma nova criação, que acabou salvando a raça da extinção.

A Federação Cinológica Internacional (FCI) classificou o cão da raça Broholmer entre os molossos do tipo dogue, estando, desta forma, enquadrado na lista dos maiores cães do mundo. De porte grande, um Broholmer pode alcançar de 55 cm a 70 cm e pesar de 45 kg a 60 kg, sendo que os machos são um pouco maiores do que as fêmeas.

Temperamento

O Broholmer possui um temperamento bastante calmo e autoconfiante. Por outro lado, ele é um cão bastante enérgico e poderoso, o que exige a realização frequente de exercícios físicos e também mentais. O Broholmer é bem amável, embora não seja tão entusiasmado como outras raças. Em geral a personalidade do Broholmer é muito tranquila e relaxada, sendo um bom companheiro para o dia a dia.

Como bom cão de guarda, ele pode suspeitar de estranhos e querer guardar seu território diante de visitas ou mesmo na presença de outros cachorros, em especial se for um macho e de porte semelhante – ele tolera bem cachorros de porte pequeno.

Broholmer cachorro

Já com o seu dono e seus familiares, ele é bastante amigável, meigo e companheiro. Porém, como o Broholmer é muito grande, é recomendável que ele seja vigiado quando estiver com crianças pequenas, para evitar quaisquer tipos de acidente ou inconvenientes caseiros.

Cuidados

Por ter uma personalidade bastante tranquila, o Broholmer pode morar tanto em casas como em apartamentos, desde que ele tenha uma área externa para ficar, que é o mais indicado. Se a residência tiver um grande espaço, como em um sítio, ainda melhor para o desenvolvimento do animal.

Além disso, é fundamental que o Broholmer tenha a possibilidade de fazer atividades físicas. Isto é, faz-se necessário ter um tempo para se dedicar ao animal, para que ele gaste sua energia e possa se sentir contente e animado. Por isso, é importante que ele possa sair três vezes ao dia para uma boa caminhada.

O Broholmer é mais indicado para donos que são mais experientes com animais ou que a pessoa possa dedicar o cão para um treinamento com um especialista bem paciente e que possua experiência com cachorros de porte grande. Isso porque o Broholmer é uma raça que precisa ter o seu caráter moldado.

Broholmer

Ainda que o animal seja inteligente, é preciso educá-lo por meio de reforço positivo e muita paciência, em especial nos primeiros anos. Isso vale especialmente para o filhote de Broholmer poder aprender a tolerar outros cães e até mesmo socializar com eles. Um treinamento adequado, aliado a um dono firme, possibilitará que se tenha em casa um Broholmer bem parceiro e protetor.

Saúde

Em geral, o Broholmer é um cachorro muito saudável e que não possui histórico de muitas doenças. Porém, como se trata de um cão de porte grande, é preciso levar como parâmetro os problemas de saúde comuns a animais acima de 35 quilos.

Por isso, é importante verificar, durante as consultas ao veterinário, a possibilidade de o Broholmer ter algum tipo de problema nas suas articulações, já que ele tem propensão a sofrer de displasia no quadril e no cotovelo, que são doenças ósseas que atingem várias raças e afetam a mobilidade do animal, além de trazerem muita dor.

Como todo e qualquer animar muito grande, o Broholmer deve ser inspecionado periodicamente por conta de problemas cardíacos que poderão aparecer com o avançar da idade. É possível que seja necessário fazer exames de acompanhamento, mas apenas com o objetivo de saber se não houve nenhuma alteração.

Para diminuir as chances de ter algum problema de saúde, é recomendável que você tenha as informações sobre o Broholmer a partir do canil que criou o animal e o comercializou. O criador deverá ter exames e certificados que comprovem que os pais do filhote são saudáveis.

Como cuidar

O Broholmer possui pelo curto, o que geralmente nos faz pensar que não é necessário se preocupar com a sua pelagem. Porém, no caso do Broholmer, ocorre o contrário, já que o seu pelo muda de forma constante, fazendo com que ele deixe muito pelo no caminho. Desta forma, sugere-se que seja feita uma escovação regular.

Vale ressaltar que esse trabalho deve ser intensificado nos períodos em que ocorre a mudança da pelagem, em especial na primavera e no outono. Nessa época, a escovação deve ser diária. O mesmo vale para o banho, que precisa ter um cuidado especial, caso contrário, poderá contribuir para deixar uma pelagem feia e desgrenhada.

Alimentação

O cachorro Broholmer deve consumir uma ração de alta qualidade, com aprovação de um veterinário, que poderá indicar o alimento com a maior quantidade de nutrientes essenciais para essa raça. Vale lembrar que qualquer dieta deverá ser adequada à idade e, consequentemente, ao tamanho do animal. É bom ter cuidado com a quantidade, pois alguns cães podem ser propensos à obesidade.

Para combater os possíveis problemas ósseos e de articulações que o animal possa vir a sofrer, é indicado que o Broholmer filhote consuma alimentos dedicados a cães que possuam tendência a terem algum tipo de doença óssea. Consulte um veterinário, que poderá dar as instruções necessárias para o sucesso desse objetivo.

Preço

O Broholmer é um tanto quanto difícil de ser encontrado no Brasil. Por isso, é importante estar em contato com criadores especialistas que possam desenvolver esta raça no país ou mesmo poder importar de outras localidades, em especial da Dinamarca, sua terra de origem. Contudo, é possível que você encontre exemplares não puros em nosso país. Um filhote de Broholmer tem o preço médio de $ 400, ou R$ 1.600.

A raça Broholmer está na categoria Cachorros Grandes